quinta-feira, 19 de abril de 2007

Lista oficial de entrevistados

Efigênia Ramos Rolim (A Rainha do Papel de Bala): Faz arte com lixo. Contadora de histórias e poeta.

Helio Leites: Artista minimalista que cria histórias a partir de caixinhas de fósforos. Fundador do Museu do Botão.

Terezinha Hevane dos Santos (Borboleta 13 - Mulher da Cobra): Vendedora de bilhetes de loteria da Rua XV de Novembro. Sua fama se deve a sua potente voz ao anunciar a "Cobra" e a "Borboleta 13".

Ademir Antunes (Plá): Músico de rua com mais de 30 discos gravados.

Nelson Rebello (Oilman): Ciclista e herói. Pedala todos os dias pela cidade com sunga e óleo.

Didonet Thomaz: Artista plástica que constrói poéticas visuais em casas de famílias curitibanas.

Edilson Viriato: Artista plástico moderno transgressor. Conhecido internacionalmente por performances polêmicas.

Joba Tridente: Multi-artista. Formou parte da equipe do Nicolau, revista cultural publicada entre 1987 e 1994.

Paulo Cezar dos Santos Rodrigues: Professor universitário, maratonista e presidente da A.C.O.R.B.A. (Associação dos Corredores de Rua de Curitiba).

Juliano Rodrigues (Suk): Puxador da Fanáticos, torcida organizada do Atlético Paranaense.

Murilo Mendonça: Jornalista e estudioso das periferias urbanas. Por conta própria, trocou a vida de classe média-alta para viver em uma favela.

Mila Behrendt: Contadora de histórias, autora de livros infantis e pesquisadora de contos de fadas.

Irmã Custódia: Freira que defende o Concilio do Vaticano II. Trocou o hábito pela maquiagem. Canta, dança e agita os cultos.

Valdir Novaki: Pipoqueiro empreendedor que constantemente inclui inovações de marketing para melhor atender sua freguesia em seu carrinho.

Ademir Vigilato Paixão: Chargista da Gazeta do Povo.

Key Imaguirre: Professor de arquitetura da UFPR e fundador da Gibiteca.

Ivo Rodrigues: Músico e compositor líder da banda Blindagem.


Entenda o que é o Curitibocas aqui.

Saiba onde comprar o livro aqui.

9 comentários:

Anônimo disse...

Afinal qual é a de VOCES?
Querem matar o público d curiosidade?
A cada dia q abro ess BLOG mais quero ler...Ah! Deixem d ser assim contem mais sobre essa pa´d gente tão interessante q fazem Curitiba mais Curitiba! Editem logo...tem cada um...gostaria d estar no lugar d voces e poder conhece-los melhor,mas,vou m contentar c o livro q promete ser d mais!

Odilon disse...

nossa, muito bom...

tem tanta gente clássica de curitiba, e tanta gente "diferente" bola pra frente, projeto show de bola!

manoela afonso disse...

gente, q lindo esse projeto! essas figuras preciosas de nossa curitiba, demais! (obs.: vcs por acaso sabem onde o plá está morando agora? o último endereço q tenho era no boa vista, preciso escrever pra ele, vcs sabem?) abraço!

FOTOS DE CURITIBA disse...

Meus parabéns pelo projeto, gostei muito. Pena que o livro já está pronto.Eu poderia ajudar com com fotos da nossa bela Curitiba, talvez no próximo. Tenho dois websites com fotos de Curitiba www.curitiba.fot.br e www.curitibacityphotos.blogger.com.br 73 países já navejaram nestes endereços. Abraços, Luiz Bocian

warri disse...

beleza! Parabens por todos!

Jaciara disse...

Acabei de ler na Gazeta do Povo a matéria sobre o livro de vocês. Idéia matadora!!! Já tô no aguardo do lançamento, parabéns!

juliano de paula disse...

acho que seria interessante, acredito, ter-se uma entrevista com o advogado curitibano que deu origem ao Mensalão, quando de sua filmagem de Mauricio Marinho recebendo a propina de R$ 3.000,00, imagens essas que chocaram a opinião pública nacional, bem como a partir dai deu origem à toda esta chuva de denúncias que ora ocorre. Trata-se em minha opinião de um herói injustiçado e autenticamente curitibano, além do surrealista que enseja, por tratar-se de único caso em que o denunciante de um crime foi preso, e o denunciado nunca, até a atualidade sofreu este tipo de sansão.Tive oportunidade de conhece-lo apresentado por minha noiva, ao que nos comovemos e nos revoltamos com sua história.

André disse...

Como um velho curitibano que sou lembro-me de tantas outras personagens urbanas que já se foram... taí uma sugestão, falar das velhas personagens como a Gilda e do mais emblemático de todos, esse ainda vivo, o Dalton. Parabéns pela iniciativa de vocês.

Anônimo disse...

Parabens Varella!! Pelo livro Curitibocas e pelo sucesso como jornalista!! Te admiro muito!!
Devemos mesmo amar a nossa gente, gente do Paraná! Estou torcendo por vc!!
Sua companheira de profissão
Madalena Siqueira!
Beijos!!