terça-feira, 12 de julho de 2011

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

A despedida definitiva

Uau, desde 27 de julho sem atualizar este blog. Acho que agora sim, podemos dizer "tchau". Em vários posts anteriores (preguiça de linkar... busque se tiver curiosidade), já decretamos o fim do blog, para logo depois voltar a postar e dar uma sobrevida. Só que desta vez acho que podemos decretar o RIP em definitivo.

Estou para escrever esse post para fechar a conta há bastante tempo, mas sempre me enganava promovendo tarefas desnecessárias a prioritárias em comparação com este texto. Não queria fazer nada apoteótico. Só uma despedida assim, meio informal, mas definitiva. E eu ficava (me) enrolando.

Isso que pra mim escrever é como um ofício - não tenho essa frescura de "ah, preciso estar inspirado". Sento e mando ver. Ou seja, foi pura procrastinação (palavra amada por advogados e pelo serviço público em geral) a prorrogação deste post.Mas não dá mais. É hora da despedida.

Até porque estamos, Ceci e eu, fora de Curitiba, o grande cenário-personagem do livro. Estamos em São Paulo trabalhando como jornalistas - até a presente data, pelo menos, ela na Abril e eu no R7.

Temos outros trabalhos em vista. Um deles está super-relacionado com um tema que batemos muito aqui no Blog do Curitibocas. Nada ainda pode ser divulgado, infelizmente.

Sem contar que não tem mais o que ser dito do Curitibocas. Foi um projeto que esmiuçamos aqui neste blog. Na possibilidade de alguém ainda ter interesse em ler o que está escrito por aqui, deixaremos o espaço aberto.

Só não perca o contato conosco. A Ceci e eu estamos no Twitter, o endereço de e-mail é o mesmo de sempre e lemos os (raros) comentários postados aqui.

A gente se vê por aí.

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Curitibocas no Link Livros

Acabo de encontrar o Curitibocas no Link Livros - site que oferece download de livros dos temas mais variados. No portal, eles afirmam que são a favor da preservação dos direitos de autor. Copio um trecho que explica de onde tiram os livros que estão disponíveis para baixar.


"O acervo aqui disponível é composto, em sua maioria, por obras que se encontram em domínio público (na legislação brasileira, obras cujos autores já faleceram há mais de 70 anos) ou obras que contam com a devida licença por parte dos titulares dos direitos autorais. Todos os arquivos para os quais fornecemos links, estão hospedados na própria Internet e nós somente indicamos onde se encontram. Também não fazemos o upload, nem hospedamos qualquer arquivo. Somos totalmente a favor da preservação dos direitos de autor."

terça-feira, 7 de julho de 2009

@MarcelGinn melhora cabeçalho do blog

O tuiteiro (ou seria tuitador?) @MarcelGinn fez um cabeçalho novo para o site (ali em cima, viu?).

Lembra que eu reclamei no post anterior que o cabeçalho sumia? Bom, meus seguidores - e é esse o termo no Twitter, por mais que soe como um fascista anacrônico - tiveram que aguentar a minha choradeira pedindo para alguém me ajudar.

Vieram em meu auxílio @myllesilva, @eliseutisato e @fdeslandes. Esta disse que um amigo dela, o @MarcelGinn já mencionado, manja muito desse tema de layout, design e etc. E não é que o cara criou dois cabeçalhos? Um é o que está posto, o outro é que está aqui. Minha infinita ignorância nesse tema só conseguiu baixar a segunda imagem em um formato que só abria no Firefox e não era aceita pelo Blogger. Logo, a escolha foi por eliminação.

Essa corrente de ajuda voluntária e sem burocracia me fascina na internet. Sempre que tenho a oportunidade lembro que além de mim e da Cecilia, o livro contou com a participação de muitos voluntários que trabalharam só por curtição, mas com responsabilidade. E todos viveram felizes para sempre.

*****

Para harmonizar com o ambiente a Cecilia resolveu mudar as fontes e cores levemente do blog, para ele não mudar de cara tão radicalmente quanto certos artistas da música pop bastante em evidência nos últimos dias (eu não aguento mais, btw).

sexta-feira, 3 de julho de 2009

Investigador do 1ºDP lança romance com capa de livro de RPG


Adolfo Rosevics Filho, superintendente do 1º Distrito Policial de Curitiba (Centro), lançou o romance "Andarilho do Erro".

Surpreende ele conseguir espaço para uma atividade intelectual e cultural trabalhando naquele clima heavy de delegacia. Ainda mais no 1º DP, que é movimentado o tempo todo com PMs, vítimas e autores de crimes.

Como superintendente, Rosevics é uma espécie de gerentão do lugar. Cargo geralmente dado pelos delegados aos investigadores de confiança.

Ainda não li, mas o texto da contracapa apresenta a obra: "'Andarilho do Erro' tenta fazer com que o leitor viaje em busca de coisas que às vezes se encontram mais próximas do que se imagina entre os conflitos humanos da vida e de pontos de vista parcial".

Edição feita independente, no peito e na coragem. Ele me disse que está vendendo bem. Que bom.

A capa parece meio RPG, não posso deixar de ressaltar. Será que o Rosevics topa mestrar uma partida?



ps: não sei o que deu no bloguxo, mas o cabeçalho sumiu =/. Ajuda, alguém?

terça-feira, 30 de junho de 2009

Gadget do Twitter retorna

Não vai mudar seu dia, mas a barra lateral deste blog voltou a mostrar os updates do meu Twitter.

Tinha retirado porque o meu Twitter estava há um bom tempo só no automático, replicando as atualizações deste blog e do meu Flickr.

No começo, achava o Twitter um blog limitado. Mas sabe que de uns tempos para cá tenho visto com outros olhos esse site que é a atual vedete da mídia.

Devo falar mais do Twitter em breve.

terça-feira, 23 de junho de 2009

2793 documentos sobre o Brasil grátis e digitalizados

Brasiliana, site mantido pela USP, é mais uma daquelas boas notícias que só a internet traz para você.

Maior parte do acervo é composto por livros - alguns deles raros. O projeto prevê também a construção de um prédio na Cidade Universitária para consulta local.

Gostei de ver que no projeto é descrito que essa é a versão 1.0, o que demonstra cabeça aberta para aprimoramentos.

Os 2793 documentos mencionados no título era a contagem no momento em que postei este texto.

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Liniers estreou hoje na Folha de S.Paulo

Genialidade do autor já foi vaticinada aqui.

Jornal dedicou generoso espaço na Ilustrada para apresentar o autor, além, é claro, da tirinha (só assinantes Uol/Folha, infelizmente).

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Troque sua editora pelo clube

Encontrei a maneira mais fácil de publicar um livro há algumas semanas. O Clube de Autores é uma espécie de livraria e editora que trabalha sob demanda.

Ou seja, o livro fica lá. Se alguém pedir, faz um. Isso, claro, encarece o preço, mas é uma alternativa para quem ainda não conseguiu a tão sonhada editora.

Para o leitor a vantagem é ter acesso a livros raros, alternativos e específicos.

Esse tipo de esquema de negócios acaba prejudicando as obras de ficção, já que o título deve ser determinante para adquirir obras sem o respaldo de uma editora e de autor desconhecido. Mas em último caso, acho que mesmo nesse caso vale a pena.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Apresentação da palestra, para os curiosos

Dei um jeito para mostrar a apresentação da palestra do João. Claro que os slides sozinhos perdem um pouco a graça, e branco sobre branco complica. Mas serve para quem ficou curioso.












(Neste slide, o João mostrava os sites bacanas)









Ah, as imagens são todas do Flickr ou Google Images, menos a de Paixão, da Bruna Bazzo.