quinta-feira, 29 de maio de 2008

A desaparecida aparece

No último mês quase não escrevi no blog. Comecei a trabalhar numa assessoria de imprensa e meu tempo sumiu.

Além do fato de eu trabalhar dez horas por dia e sem um horário de almoço tão institucionalizado quanto no Brazil (a maioria das vezes almoço perto do computador), é uma experiência interessante.

A parte mais divertida acontece de manhã. Chegou ao escritório e tenho os sete principais jornais a minha disposição. Para quem esteja interessado, eles são La Nación, Clarín, Ámbito Financiero, El Cronista Comercial, Página 12, Buenos Aires Económico [não tem site] e o recente Crítica de la Argentina. Chego cedo para conseguir ler com mais calma. Logo vem o clipping -seleção de determinadas notícias de acordo com os interesses de determinados clientes- e o tempo parece andar mais rápido. O resto do dia faço coisas mais normais e operativas, mas confesso que estou aprendendo demais.

Uma pena não ter trabalhado nesta assessoria antes do lançamento do livro. A divulgação do Curitibocas teria sido ainda melhor. Mas tudo bem, fica para a próxima. Com certeza daqui a algum tempo começamos algum outro projeto...

2 comentários:

waguinho disse...

Ei, nessa lista de jornais à sua disposição não está o Página 12? Para mim, o melhor jornal da Argentina...
Boa sorte aí na nova empreitada...

Cecilia Arbolave disse...

Opa! É verdade! Pior que eu disse sete jornais e esqueci de colocar o Página 12. Já está corrigido. Valeu Waguinho.

Sobre se é o melhor jornal da Argentina, aí a gente pode conversar um pouco. Eu acho que não chega nessa categoria.